New York e New Jersey se juntarão outros estados do nordeste para o combate à heroína

New York e New Jersey se juntarão outros estados do nordeste para o combate à heroína
09 outubro 12:24 2014 Imprimir

heroin dollar

Os estados de New York, New Jersey e outros dois estados do Nordeste concordaram em colaborar nas investigações de tráfico de heroína que muitas vezes atravessam fronteiras estaduais, disseram as autoridades na quarta-feira.

O procurador-geral de New York, Eric Schneiderman e a procuradora –geral da Pensilvânia, Kathleen Kane, disseram que, além de New Jersey a coalizão até agora também inclui Massachusetts. Outros estados do Nordeste e regiões do meio-Atlântico são esperados para participar nas próximas semanas.

“Os traficantes não param na fronteira do estado, e com esta parceria, nem a aplicação da lei está valendo”, disse Kane. Schneiderman disse que 98% dos casos de grande escala de tráfico de heroína processados ​​por seu gabinete envolveram drogas movendo-se entre os quatro estados e os traficantes têm sido capazes de “passar a perna” nas autoridades cruzando jurisdições.

A Organized Crime Task Force The New York através da Procuradoria Geral da República, com escritórios em Buffalo, Syracuse, Albany e White Plains, prendeu mais de 400 pessoas em dezenas de investigações de tráfico desde 2007 ajuntamentos que frequentemente envolviam 20-40 réus. Enquanto os investigadores podem chegar através das fronteiras estaduais para prender pessoas que cometem crimes em New York, por exemplo, seu alcance não se estende aos elementos criminosos do tráfico em outros estados.

Os membros da força-tarefa concordaram em compartilhar informações, o que pode incluir a identificação dos traficantes, esconderijos e números de telefone recolhidos a partir de escutas telefônicas, informantes e testemunhas que colaboraram. A força-tarefa tem a intenção de criar o quadro formal de partilha de informação, que os investigadores podem agora fazer informalmente.

De acordo com os procuradores-gerais, a procura de heroína e maiores margens de lucro para os traficantes estão disparados agora que estão dirigindo o comércio. Eles observaram que as duas maiores cidades da Costa Leste, com uma população com mais de 10 milhões de pessoas, New York e Filadélfia, são os dois pontos principais para o tráfico de heroína no Nordeste.

Em Nova Jersey, o número de pessoas que procuram tratamento por abuso de heroína excedeu 25.000 em 2012, disseram. Massachusetts declarou uma emergência de saúde pública em março por conta de overdose de heroína e dependência de opiáceos. Também quarta-feira, o secretário antidrogas do país vai ao Maine para liderar uma discussão com a prefeitura sobre o abuso de opiáceos. Michael Botticelli, diretor em exercício do Escritório de Política Nacional de Controle de Drogas da Casa Branca, está viajando para Bangor para o evento. Ele é esperado para anunciar uma doação que contempla o combate ao abuso de opiáceos.

  Editorias:




Escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda...

Seja o primeiro a comentar!.

Publique seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.
All fields are required.