Nova data decisiva para a imigração é dia 6 de julho

Nova data decisiva para a imigração é dia 6 de julho
04 junho 07:11 2015 Imprimir

imigracao

O governo de Barack Obama decidiu que não vai levar o pedido de retirada do bloqueio ao seu plano de imigração à Suprema Corte, disse o Departamento de Justiça, no dia 27. A decisão veio um dia depois que um tribunal federal de apelações recusou-se a retirar um bloqueio de um juiz do Texas, que impediu que as ordens executivas do presidente Obama entrassem em efeito.

O porta-voz Patrick Rodenbush disse que o Departamento de Justiça não irá recorrer novamente da decisão do dia 26. Em vez disso o Departamento de Justiça vai se concentrar em defender os méritos da própria ação executiva em uma audiência marcada para o dia 6 de julho diante do 5th U.S. Circuit Court of Appeals de Nova Orleans.

Em uma entrevista à MSNBC, a diretora de políticas domésticas da Casa Branca, Cecília Muñoz falou, em relação à incerteza que cerca a ordem executiva: “Acreditamos que o caso que argumentaremos em julho poderá chegar à Casa Branca. O desafio é que, se nós fôssemos recorrer da decisão dessa semana, mesmo com o governo ganhando ou perdendo, ainda teríamos que argumentar sobre os méritos dessa decisão do presidente em julho. Por isso a questão é lutarmos vigorosamente, ganhar o caso em relação à legalidade dessa ação, assim quando chegar o momento de implementar os programas, as pessoas estarão asseguradas que as ações não cairão em litígio novamente”.

O plano da administração Obama tem sido denunciado pelos republicanos como um exemplo de uso excessivo da autoridade. Obama argumentou que a ação era necessária por causa da falta de ação do Congresso. Por enquanto, a ação executiva de imigração, que inclui uma extensão do Deffered Action for Childhood Arrivals (DACA) e a Deferred Action for Parents of Americans (DAPA), para pais de cidadãos e residentes americanos, permanece em espera.

Junto com Texas, os Estados que buscam bloquear a ação de Obama são: Alabama, Arizona, Arkansas, Flórida, Geórgia, Idaho, Indiana, Kansas, Louisiana, Maine, Michigan, Mississippi, Montana, Nebraska, Nevada, Carolina do Norte, Dakota do Norte, Ohio, Oklahoma, Carolina do Sul, Dakota do Sul, Tennessee, Utah, West Virginia e Wisconsin.

  Editorias:




Escreva um comentário

1 comentário

  1. Alves
    junho 07, 01:06 #1 Alves

    O meu sonho esta na Mao do president Obama:
    Rever minha familia ,pois hj tenho 2 filhos aqui e amo a america Mai’s nao queria ir embora,gostaria muito de ter o direito de poder it e voltar pq meus filhos sao americanos e nao tem culpa de serem filhos de immigrants !

    Reply to this comment

Publique seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.
All fields are required.