Vasco não consegue sair da lanterna. E não é por falta de ajuda dos rivais

Vasco não consegue sair da lanterna. E não é por falta de ajuda dos rivais
05 novembro 14:00 2015 Imprimir

jorginho zinho vasco

Faltando cinco jogos para terminar o Campeonato Brasileiro, o Vasco vê sua situação se tornar cada vez mais difícil na tabela. Com a derrota para o Fluminense por 1 a 0, a equipe aumentou para cinco pontos a distância em relação ao primeiro time fora da zona de rebaixamento. Em São Januário, o sentimento de angústia se torna ainda maior em função da série de tropeços dos adversários diretos nas últimas rodadas, que não foram aproveitados pelo Cruzmaltino.

Nos últimos nove pontos disputados, a Chapecoense, que tem o menor risco percentual de queda, foi a que mais pontuou, somando cinco, sendo seguida por Goiás e Joinville (três), Avaí e Figueirense (dois) e Coritiba (um). Caso o Vasco tivesse vencido seus compromissos, já estaria fora da zona diante destes resultados.

Mesmo com a frustação da lanterna, o técnico Jorginho segue acreditando: “A defasagem da pontuação do primeiro turno não tenha dúvida que atrapalho muito. A responsabilidade aumentou. Fizemos 13 pontos no primeiro turno tendo que fazer 30 no segundo. Bate a ansiedade, mas o grupo é experiente, tem que lidar com a situação. Permanece a confiança. Dificultou um pouquinho mais, perdemos a chance de encostar, mas em duas rodadas podemos mudar completamente a situação”.

De acordo com o matemático Tristão Garcia, a pontuação segura para se livrar do rebaixamento é de 44, o que, em tese, obriga o Vasco a vencer todos os cinco jogos restantes, já que, atualmente, soma 30. O especialista, no entanto, abre brecha para um corte menor. “Com 43 pontos é uma chance muito boa, mas o Vasco está dependendo dos outros times um pouco”, disse à Rádio Bradesco Esportes. Os próximos jogos do Vasco no Campeonato Brasileiro são: Palmeiras (fora), Corinthians (casa), Joinville (fora), Santos (casa) e Coritiba (fora).

  Editorias:




Escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda...

Seja o primeiro a comentar!.

Publique seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.
All fields are required.