Veja porque você deve se livrar da sua esponja de esfoliação imediatamente

Veja porque você deve se livrar da sua esponja de esfoliação imediatamente
29 setembro 16:46 2016 Imprimir

esponjaJunto com o shampoo, sabonete e cremes hidratantes, muitas pessoas usam uma esponja especial para esfoliação. A prática, que produz grandes benefícios em nossa pele e que consiste em remover células mortas, estimula o crescimento de tecido, previne a aspereza e garante uma melhor hidratação.

Mas a esponja, aparentemente inocente, esconde um segredo desagradável. De acordo com o dermatologista J. Matthew Knight, do Knight Dermatology Institute of New York, as células mortas eliminadas tendem a não ir embora pelo ralo. “Essas células ficam presas na esponja, que, juntamente com a umidade e o calor que reinam no ambiente do banheiro, criam um ambiente quase perfeito para uma multidão de bactérias”, explica o médico para o New York Post.

Ou seja, aquela esponja macia e colorida é na verdade uma incubadora para milhões de microrganismos. De acordo com Knight, o crescimento dessas bactérias pode ocorrer em algumas poucas horas após o uso do objeto.

Knight adverte que o certo é descartar a esponja após o uso. As bactérias que se acumulam nela podem causar enormes danos a uma pele sensível, chegando até mesmo a provocar pequenas feridas. No melhor dos casos, segundo ele, ocorrerá vermelhidão. Na pior, uma infecção de pele que pode sangrar.

Knight desencoraja o uso da esponja, mas recomenda que, caso uma pessoa deseje usá-la, deve lavar e secar o objeto imediatamente após a utilização, colocando-a no varal. O especialista diz também que nenhuma esponja desse tipo deve ser usada por mais de três meses. Passado esse tempo, ela deve ir para o lixo.

  Editorias:




Escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda...

Seja o primeiro a comentar!.

Publique seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.
All fields are required.