Trump planeja enviar imigrantes ilegais a cidades-santuário

by Redação | 18 de abril de 2019 9:39 AM

O presidente Donald Trump confirmou na semana passada que está estudando “seriamente” a possibilidade de enviar imigrantes ilegais detidos pelas autoridades às chamadas “cidades-santuário”, localidades geralmente lideradas por democratas que não destinam recursos à perseguição de imigrantes.

“Devido ao fato de os democratas não quererem mudar as nossas tão perigosas leis de imigração, estamos, como foi informado, considerando seriamente a ideia de colocar imigrantes ilegais apenas nas cidades-santuário”, escreveu Trump no Twitter.

“A Esquerda Radical sempre parece ter uma política de Fronteiras Abertas e Braços Abertos, portanto, com certeza, isto lhes fará muito felizes!”, acrescentou.

A mensagem de Trump foi postada no Twitter horas depois de o jornal The Washington Post informar sobre esse plano e a Casa Branca assegurar que essa ideia estava descartada.

“Esta foi somente uma proposta que foi feita e rejeitada, o que concluiu qualquer debate posterior”, afirmou a Casa Branca em comunicado na última hora de quinta-feira (12).

O plano, segundo o The Washington Post, consistiria em transportar os imigrantes sob custódia das agências migratórias às cidades ou circunscrições que optam por proteger os imigrantes ilegais e se negam a informar as autoridades federais sobre o status legal das pessoas detidas.

Essa ideia foi estudada tanto em novembro como em fevereiro, e a Casa Branca argumentou diante do Serviço de Imigração e Controle de Alfândegas (ICE, em inglês) que a intenção era tanto aliviar o problema de falta de espaço nos centros de detenção, como enviar uma mensagem aos democratas.

Em novembro, diante da chegada de uma caravana de centro-americanos à fronteira, a Casa Branca propôs em um e-mail prender esses imigrantes ilegais na fronteira e depois enviá-los de ônibus a “cidades-santuário pequenas e médias”.

Quando a Casa Branca insistiu sobre o plano em fevereiro, o ICE, encarregado da detenção e deportação de imigrantes ilegais dentro do país, a tachou de inadequada por problemas orçamentários e de imagem pública, segundo o jornal.

Fontes do Congresso e da ICE consultadas pelo jornal atribuem a insistência na ideia a Stephen Miller, um assessor de Trump conhecido pela sua linha dura contra os imigrantes.

Entre os distritos aos quais a Casa Branca pensou em transportar imigrantes ilegais estão um da cidade de San Francisco, que é representada no Congresso pela presidente da Câmara dos Representantes, a democrata Nancy Pelosi.

A própria Pelosi tachou hoje em entrevista à imprensa esta proposta como “indigna” para um presidente.

“Não sei nada sobre isto, mas de novo é só outra ideia que é indigna para a presidência dos Estados Unidos e desrespeitosa para os desafios que enfrentamos como país, como povo, para quem somos: uma nação de imigrantes”, lamentou.

Trump criticou duramente desde que chegou ao poder as cerca de 200 jurisdições “santuário” dos EUA e, em 2017, tentou privá-las de fundos federais, mas um juiz freou essa medida.

Source URL: http://www.brazilianpress.com/v1/2019/04/18/trump-planeja-enviar-imigrantes-ilegais-a-cidades-santuario/