Três brasileiros são acusados de arrombar mais de 200 carros no Japão

Três brasileiros são acusados de arrombar mais de 200 carros no Japão
13 junho 19:07 2019 Imprimir

Três brasileiros estão sendo acusados de arrombar mais de 200 carros em oito províncias no Japão entre dezembro de 2018 e fevereiro deste ano, informou o jornal Mainichi.

A polícia de Fukuroi (Shizuoka) concluiu, após uma investigação, que Marcelo Akira Ueta, 27 anos, e outros dois brasileiros arrombaram 210 veículos e invadiram quatro casas, furtando dinheiro e objetos. Os crimes ocorreram em Shizuoka, Aichi, Mie, Gifu, Nara, Nagano, Yamanashi e Kanagawa.

A técnica usada pelos ladrões na maioria das vezes era quebrar o vidro do carro com uma chave de fenda. Somando todos os casos, eles teriam furtado 3,5 milhões em dinheiro e mais 1.700 objetos, incluindo relógios de pulso e joias, avaliados em 3,8 milhões. Ueta, sem endereço fixo, está sendo julgado no Tribunal Regional de Hamamatsu (Shizuoka) juntamente com um dos comparsas que não teve o nome divulgado pelo jornal. O terceiro brasileiro chegou a ser preso e enviado para a Promotoria, mas teve a acusação suspensa no meio do processo judicial.

  Editorias:




Escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda...

Seja o primeiro a comentar!.

Publique seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.
All fields are required.