Léa Campos: Caímos, Mas Não Morremos

Léa Campos: Caímos, Mas Não Morremos
03 janeiro 13:29 2020 Imprimir

Estamos decepcionados com o que está acontecendo com nosso time de futebol. Caímos sim, mas vamos repetir Fênix, ressurgiremos das cinzas para mostrarmos novo real valor.

Uma meia dúzia de corruptos que derrubaram nosso time, jamais apagarão nossa história, eles não terão muito que aportar à biografia deles, serão lembrados como incompetentes, ladrões e corruptos. Roubaram nossos sonhos, mas não roubarão nossa vitória neste ano que se inicia, trazendo muitas realizações e muitos títulos. Um ano passa rápido e um ano longo, 366 dias, um dia a mais para mostrar para esse supostos dirigentes o quanto somos grandes.

Para que isso aconteça contaremos com homens retos, cruzeirenses de fato e com uma torcida que vai aportar muito para que  o Cruzeiro Esporte Clube volte ao lugar que lhe pertence. Não precisamos de torcedores que vêm prejudicando nosso clube como  alguns fizeram, precisamos de torcedores que respeitem a instituição que está prestes a completar um século de vida. Esses torcedores não nos fazem falta, ganham ingressos para assistir aos jogos e prejudicam o clube, chego a pensar que são torcedores de outras equipes, pois tudo que fazem prejudica o clube.

As leis punem o Clube ao qual pertencem ditos torcedores, com perca de mando, punições financeiras e outras medidas. No dia que criarem uma lei para punir os infratores tenho certeza de que a atitude desses invasores será bem diferente, infelizmente o ser humano só aprende quando mexe no bolso dele. Não somos o primeiro nem o último time grande a cair para a Série B, sairemos dessa com altivez e orgulhosos de sermos quem somos.

A todos que chegam ao Cruzeiro, os notáveis, desejamos sorte e paciência, afinal estão pegando um Clube falido, com jogadores que não merecem usar nosso Manto, se queriam prejudicar  nosso time já o fizeram, mas dificilmente encontrarão o apoio que tiveram no time da Toca da Raposa. Sairão pela porta dos fundos, a porta da frente é para quem respeita e deseja o melhor para o time, fato que não aconteceu com ditos mercenários, que não souberam agradecer nem mesmo o dinheiro com o qual compravam o pão para os filhos. São mal agradecidos e não merecem ter chance em clubes de nome, nem mesmo em times amadores. Que 2020 venha com nossas estrelas brilhando como sempre, podemos desistir de muitas coisas, mas de nosso clube do coração jamais.

  Editorias:




Escreva um comentário

Nenhum comentário

Nenhum comentário ainda...

Seja o primeiro a comentar!.

Publique seu comentário

Your data will be safe! Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person.
All fields are required.