MundoNotícias

México anuncia abertura com retorno em três fases

0

O governo do México anunciou as novas normas para o retorno das atividades educativas, sociais e econômicas. O país registrava, até sexta passada, 42.595 contaminados e 4.477 vítimas fatais. 

Na Cidade do México, não param de chegar pacientes aos hospitais. A capital do país se encontra em estado vermelho e muitos precisam fazer uma longa caminhada para encontrar um hospital para ser atendido, já que 73% dos leitos normais e 58% dos leitos de UTIs estão ocupados.

A partir de segunda-feira (18), retornaram as atividades nos municípios que não apresentaram casos de covid-19, onde cidades vizinhas também não tenham casos de infectados. A análise das autoridades será feita por cores que variam de acordo com o número de casos nas regiões.

Na segunda fase, que vai do dia 18 até o dia 31 de maio, começam os preparativos para o que as autoridades mexicanas chamaram de “nova normalidade”. Neste segundo momento, as pessoas serão treinadas e os locais de trabalho deverão ser adaptados dentro das normas de higiene para evitar a disseminação do vírus.

A partir de 1º de junho as autoridades irão avaliar as regiões para autorizar o início ou não da abertura normal, de acordo com o semáforo, com verde, amarelo e vermelho, dependendo dos casos nos locais.

Já na capital, Cidade do México, a região que acumula o maior número de casos de infectados, o governo irá retomar as atividades educativas e econômicas apenas a partir da semana que vem. A Cidade do México abriga atualmente 22 milhões de pessoas, com 10.946 mil infectadas, 2.977 hospitalizadas, destas 987 intubadas.

Lá também será aplicada a reabertura com o sistema de semáforo, a qual permite retornar as atividades de acordo com as cores roxo, laranja, amarelo e verde.

O presidente Manuel Lopez Obrador, em coletiva de imprensa, afirmou que México já “domou” o vírus e criticou uma campanha de desinformação contra o que o governo vem fazendo contra o coronavírus.

Ele também garantiu que a oposição e a mídia realizam uma “campanha de desinformação” contra ele e pediu que “espero que eles repensem essa atitude”.

O governo do México paralisou as atividades econômicas não essenciais em abril e maio, embora não tenha especificado sanções para as empresas que abrissem e pediram para a população a ficar em casa. A quarentena não é obrigatória para não afetar os milhões de pessoas que vivem do comércio informal.

Circula nas redes sociais mexicana um áudio que convida para uma festa de “imunização do rebanho”. Marcada para o dia 23 deste mês, o áudio afirma que as pessoas vão se divertir e ajudar a disseminar o coronavírus, já que os contaminados também devem comparecer para ajudar a contagiar outras pessoas.

O convite em áudio de pouco mais um minuto e meio e promete que na festa vai ter bebidas de “boa qualidade”. “Vai ser ótimo porque isto estão fazendo também na Suécia, então você ajuda que isso se acaba muito mais rápido e ao mesmo tempo se diverte”, finaliza.


Polícia europeia alerta para mercado de vacinas falsas contra Covid-19

Previous article

Com quase 45 mil casos de Covid-19, Flórida amplia reabertura da economia

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Mundo