DestaquesNotíciasUSA

Indicadores mostram melhora do setor de serviços nos EUA acima das projeções

0

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) do setor de serviços do Instituto para Gestão da Oferta (ISM) subiu a 57,1 pontos em junho, de 45,4 pontos da leitura de maio, indicando uma expansão do setor após a queda acentuada da atividade causada pela pandemia. O índice surpreendeu positivamente, ficando bem acima da expectativa dos economistas consultados pelo The Wall Street Journal, de leitura de 50,1 pontos no período.

A leitura acima de 50 pontos interrompe uma sequência dois meses de contração, que seguiram, por sua vez, na esteira de 122 meses consecutivos de expansão. De acordo com Anthony Nieves, presidente do Comitê de Pesquisa de Serviços do ISM, este foi o maior aumento percentual em um único mês desde que o índice começou a ser registrado, em 1997. O indicador de novas encomendas, que normalmente é um sinalizador de atividade futura, avançou a 61,6 pontos em junho, de 41,9 em maio, enquanto o índice de emprego subiu para 43,1 pontos, de 31,8 no período anterior.

Coronavirus: US death toll tops 60,000 — as it happened ...

Outro indicador do setor de serviços dos EUA divulgado nesta segunda-feira mostrou avanço expressivo, embora ainda abaixo da marca que separa contração da atividade e expansão. O PMI do setor de serviços dos EUA medido pela IHS Markit subiu para 47,9 pontos em junho, de 37,5 em maio, e ficou acima da estimativa preliminar de 46,7. Com a melhora da atividade no setor após os alívios nas medidas de restrição causadas pela pandemia de covid-19, o indicador de serviços, que é o motor da economia americana, se aproximou da estabilização após o colapso entre março e abril.

Contudo, o PMI de serviços americano da IHS Markit permaneceu no território de contração, já que leituras abaixo de 50 indicam retração da atividade e acima de 50 apontam expansão. Com o resultado, o PMI Composto dos EUA, que inclui serviços e indústria, subiu para os mesmos 47,9 em junho, de 37 em maio. A estimativa preliminar era de 46,8.

US coronavirus death toll surpasses 60,000 and 100 bodies found in ...

“Em junho, houve um aumento recorde no principal indicador de atividade comercial do PMI nos EUA à medida que um número crescente de empresas voltou ao trabalho e expandiu suas operações em meio à reabertura da economia. A pesquisa aponta para uma forte recuperação inicial a partir do ponto baixo observado no auge do bloqueio pandêmico em abril, com indicadores de produção, demanda, exportações e emprego, todos mostrando ganhos acentuados”, destacou o economista-chefe da IHS Markit, Chris Williamson. O economista, porém, alerta para a possibilidade de o ritmo da recuperação desacelerar nos próximos meses diante do persistente aumento de casos de covi-19 dentro dos EUA já depois da reabertura da economia.

“Continua havendo uma forte possibilidade de que o crescimento possa diminuir após a recuperação inicial devido à demanda fraca e persistente medidas de contenção contra o vírus. A necessidade de reintroduzir bloqueios para combater segundas ondas de infecções por coronavírus representará uma ameaça particular à recuperação momentânea e poderia levar ao retorno da recessão”, acrescentou Williamson. // Fonte: VE.


Covid-19: Ator Nick Cordero morre aos 41 anos nos EUA após longa batalha contra o Coronavírus

Previous article

Murphy “pausa” reabertura em NJ por conta do aumento da taxa de transmissão do Covid-19

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaques