EsportesNotícias

Glória eterna e 50 anos de jejum: Hulk ressalta ambição do Atlético-MG por Libertadores e Brasileiro

0

O Atlético-MG é, na frieza dos números, o melhor time da Copa Libertadores. Transformar isso em título será o trabalho do elenco e da comissão técnica. O desempenho na fase de grupos passou perto da impecabilidade. E há ainda o Campeonato Brasileiro pela frente. Não dá pra escolher, e o Galo irá atacar nas duas frentes. É o que pensa Hulk.

Destaque do time e artilheiro da Copa Libertadores com seis gols, o camisa 7 ressaltou o peso das duas competições. Em relação ao torneio continental, chegou a citar o slogan da Conmebol: “Libertadores é muito importante, a glória eterna”. Já sobre os pontos corridos, destacou que o Galo persegue o bicampeonato há 50 anos, já que a única conquista aconteceu em 1971.

– Libertadores é sempre importante, a glória eterna. E Brasileiro pra gente é especial, são 50 anos sem ganhar. Viemos para cá fazer história, deixar o nosso nome gravado em um grande clube, que é o Atlético. Sabemos que não será fácil, temos adversários fortes, temos que manter a nossa humildade, foco, comprometimento. Tenho certeza que temos grandes chances de ser campeões, sim.

O Atlético ainda irá estrear no Brasileiro, domingo que vem, diante do Fortaleza, no Mineirão. Já a Copa Libertadores só volta ao calendário em julho, após a Copa América. Antes disso, o Galo irá conhecer, por sorteio, o adversário das oitavas que, necessariamente, será um time que se classificou em segundo lugar no seu grupo. O Atlético decidirá em casa, por ter feito a melhor campanha geral da fase de grupos.

– É sempre bom estar na foto de campeão. Assim como aconteceu (no último fim de semana). A gente foi campeão mineiro, nosso primeiro objetivo. Alcançamos mais um objetivo (na Libertadores), conseguir classificar, e em primeiro, melhor equipe da competição. Isso nos motiva – afirmou.

Agora, o Atlético tem que ser já encarado como um dos favoritos da Libertadores? Hulk não ficou em cima do muro. Ele acredito que sim, desde que, claro, mantenha a pegada, o foco e a humildade. Ser favorito, para o atacante, tem que ser um fator encarado positivamente.

– Com certeza. Não podemos fugir dessa responsabilidade. Responsabilidade boa que temos que enfrentar. O Atlético, todas as competições que disputa, é para ganhar. A gente sabe que os adversários são difíceis. Não foi fácil o Mineiro, assim como não será fácil Copa do Brasil, Libertadores, Brasileiro. E todas as competições iremos entrar para ganhar. Com humildade, trabalhando, respeitando o adversário, mas tendo mais vontade do que eles e, com certeza, teremos grandes chances de ser campeão – completou.


Joseph, Flávio, Paulo e Marco Antônio são relacionados pelo Cruzeiro para estreia na Série B

Previous article

Shell terá que reduzir em 45% emissões de CO2 até 2030 na Holanda

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Esportes