DestaquesNotíciasUSA

American Airlines anuncia cancelamento de 27 rotas de voos

0

A American Airlines anunciou o cancelamento de 27 rotas de voos a partir de janeiro de 2022, sendo os aeroportos de New York os mais atingidos.  A companhia aérea vai eliminar 27 rotas diferentes, tanto nacionais quanto internacionais. Desse número, 18 partem ou chegam no Aeroporto Internacional John F. Kennedy ou Aeroporto LaGuardia. As outras nove rotas incluem serviço para o Canadá e parte do serviço doméstico da companhia aérea de Boston, Chicago, Filadélfia, Charlotte e North Carolina.

“No fim de semana, a American otimizou sua programação de voos para conectar melhor os clientes aos destinos que mais importam para eles”, disse Brian Metham, porta-voz da companhia aérea, por e-mail.

“Parte desse processo resultou na liquidação de um punhado de rotas, incluindo nosso serviço de transporte dedicado. Estamos alcançando proativamente os clientes afetados por essas mudanças para oferecer planos de viagem alternativos”, acrescentou. As rotas a serem canceladas incluem JFK para San Antonio, uma mudança que entrará em vigor em 4 de janeiro, bem como JFK para Costa Rica, Montreal e Toronto.

Do LaGuardia, a companhia aérea eliminará os voos de verão e primavera para Nantucket, Martha’s Vineyard, Myrtle Beach, Asheville, Savannah, Pensacola e Traverse City. Além disso, a American Airlines descontinuará os serviços em vários locais de LaGuardia, incluindo Boston, Charleston, Orlando e Filadélfia. Além de New York, a companhia aérea cancelou as rotas de Charlotte para Toledo, do Aeroporto Internacional Chicago O’Hare para Charlottesville, Filadélfia para Baltimore / Washington e de Phoenix para Vancouver.

A decisão de cancelar as rotas veio depois que a companhia aérea lançou uma nova classe de serviço de cabine, batizada de Seleção Principal. De acordo com o programa, as tarifas são reembolsáveis, oferecem mudanças de voo gratuitas no mesmo dia e permitem que os passageiros escolham qualquer assento disponível na cabine principal (incluindo aqueles com espaço extra para as pernas e bebidas de cortesia). A nova classe de tarifa estará disponível apenas em algumas rotas, como aquelas que passam por New York, Chicago ou Los Angeles.

Na semana passada, a companhia aérea anunciou que está fortalecendo sua parceria com a Northeast Alliance JetBlue Airways, apesar de uma ação movida pelo Departamento de Justiça em setembro. A agência afirma que a aliança viola as leis antitruste e afetará negativamente os clientes e a concorrência. No entanto, as duas empresas vêm ampliando suas operações fora do Nordeste desde julho de 2020 e, mesmo com o cancelamento da rota da American, a aliança com a JetBlue ainda oferece um amplo leque de rotas. A JetBlue se prepara para operar 10 das 18 rotas canceladas pela American de New York, segundo a Cirium. A American argumenta que a demanda por voos continua muito baixa, uma vez que limitou as operações em junho de 2020, levando a companhia aérea a suspender o serviço por tempo indeterminado.


Em Buffalo, NY, noiva que recebeu transplante convida pai da doadora para levá-la ao altar

Previous article

Usuários do MTA não terão aumento de passagens ou cortes de serviços este ano

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaques