DestaquesNotíciasUSA

Prefeito de New York ainda não decidiu sobre a celebração de ano novo na Times Square

0

O prefeito de New York, Bill de Blasio, disse no domingo que uma decisão será tomada antes do Natal sobre a realização do evento como antes da pandemia. Uma decisão a ser tomada, já que a variante Omicron se espalha rapidamente pela cidade e os oficiais lutam para aumentar a capacidade de teste em meio ao aumento da demanda.

A celebração da véspera de Ano Novo do ano passado na Times Square foi um evento que respeitou a distância física e contou com a presença apenas de pequenos grupos de trabalhadores essenciais. Em novembro último, o democrata anunciou que o evento voltaria “com força total” com a exigência de que os participantes apresentassem comprovante de vacinação e os que não pudessem ser vacinados por deficiência apresentassem comprovante de COVID-19 negativo.

O prefeito Bill de Blasio chamou a variante do Omicron de um “fenômeno rápido e temporário” que deve aumentar nas próximas semanas e provavelmente se dissipar. Ele observou que a maioria dos residentes da cidade são vacinados, tornando o surto recente mais controlável do que quando o COVID-19 apareceu no início da primavera de 2020.

De acordo com as estatísticas da cidade, cerca de 90% dos adultos e cerca de 80% de todos os residentes receberam pelo menos uma dose da vacina.

“É importante não lutar a guerra de ontem”, disse de Blasio. “É importante não pensar que estaremos de volta na primavera de 2020 ou mesmo no inverno de 2020. Esta é uma cidade altamente vacinada, onde as pessoas têm muito mais proteção do que nunca.”

Pelo terceiro dia consecutivo, o estado de New York registrou um número recorde de novos casos COVID-19: quase 22.500, cerca de 12.400 desses novos casos ocorreram na cidade de New York. O estado registrou em média cerca de 16.300 novos casos por dia no período de sete dias que terminou no sábado. Isso é 60% maior do que na semana anterior.

O prefeito e as autoridades de saúde anunciaram na semana passada que a cidade forneceria 1 milhão de máscaras N95 gratuitas e 500.000 testes domésticos gratuitos, a serem distribuídos por meio de organizações comunitárias.

Além disso, disseram no domingo que oito novos locais de teste fixos e 17 novas unidades móveis seriam inaugurados nesta semana, elevando o total da cidade para 36 locais fixos e 93 unidades móveis, com mais antecipação.


Português é língua mais falada após inglês e espanhol em três estados americanos

Previous article

PCC é incluído em lista de sanções pelo Departamento de Tesouro americano

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaques