DestaquesNotíciasUSA

Professora da Flórida escreve mensagem no corpo de uma criança para a mãe

0

Alguns pais relataram que o filho retornou do berçário com uma mensagem para eles escrita com um marcador no corpo da criança. O texto dizia: “Mãe, preciso de fraldas”.

Os pais apresentaram um boletim de ocorrência e o Departamento de Crianças e Famílias iniciou uma investigação no berçário. O incidente ocorreu na ilha de Sanibel, no condado de Lee, no sudoeste da Flórida, no Centro de Educação Infantil das Ilhas. Segundo a mãe da criança de um ano, após muitos banhos, a mensagem escrita com um marcador preto não pôde ser removida da parte superior do tronco, local onde a fralda é colocada.

Heather Chisum disse que, quando estava trocando a fralda do filho de um ano, descobriu uma mensagem escrita: “Mãe, fiquei sem fraldas, por favor leia meus relatórios”. Heather, 23 anos, postou a imagem no Facebook, expressando seu desconforto. “Eu estava chorei mortificada por isso ter acontecido com meu filho”, disse ela. Ela diz que não é a primeira vez que algo assim acontece, porque algo semelhante aconteceu também em novembro. O pai do garoto também ficou furioso. “Por que começar a colocar um marcador permanente na pele do meu filho?”, disse William Carmine.

A mãe explica que o berçário coloca relatórios diários na lancheira dos filhos, mas admite que às vezes os ignora. Ela e o pai de seus filhos, William Carmine, não notificaram ninguém do primeiro incidente, daquela vez. O pai explica que ele é apenas um garoto de um ano que precisa trocar a fralda várias vezes. “Escrever uma mensagem completa em seu estômago, honestamente, acho que é demais por parte de uma pessoa.” O berçário emitiu uma declaração que em uma de suas partes diz: “Foi uma violação de nossa ética profissional pelo professor. A escola tomou medidas imediatas para remover o professor da escola. Estamos revisando os protocolos que já existem para garantir que nada disso aconteça novamente. ”

 

0 0


George Washington não aceitará mais pagamento em dinheiro

Previous article

Implementadas mudanças para acelerar processos nos tribunais de imigração

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaques