DestaquesNotíciasUSA

Autoridades do Texas investigam alegações de abuso sexual de crianças imigrantes

0

Autoridades de bem-estar infantil de Austin, Texas, disseram na quarta-feira que receberam três denúncias de abuso e negligência em um abrigo de San Antonio, usado para abrigar mais de 1.600 adolescentes imigrantes que cruzaram a fronteira sul.

É a primeira vez que autoridades estaduais anunciam uma investigação desse tipo de denúncia em um dos centros instalados pelo governo federal no Texas, para tratar do aumento acentuado de crianças e adolescentes que cruzam a fronteira desacompanhados. Uma autoridade do condado que também é voluntária no local, o Freeman Coliseum, disse que a natureza das acusações não corresponde ao que ela viu durante muitas visitas às instalações.

Funcionários do bem-estar infantil não revelaram quem fez as acusações, mas o governador Greg Abbott disse que, até onde ele sabia, era alguém que estava dentro das instalações. Uma das alegações é de abuso sexual, mas não foram divulgados mais detalhes.

Outras alegações incluem pessoal insuficiente, crianças que não comem e pessoas que foram diagnosticadas com COVID-19, mas não foram isoladas, disse Abbott. Durante semanas, ele e outros membros do Partido Republicano criticaram a administração do presidente Joe Biden por sua forma de lidar com a situação da imigração na fronteira sul dos Estados Unidos.

Rebeca Clay-Flores, comissária do condado de Bexar que esteve dentro das instalações como autoridade eleita e voluntária, disse que os adolescentes estão recebendo três refeições e dois lanches por dia e qualquer um com resultado positivo para COVID-19 é colocado em uma área separada, longe dos outros menores. Ela visitou as instalações com Abbott após sua entrevista coletiva e disse que fez perguntas à equipe, incluindo uma sobre os protocolos para a realização de testes de diagnóstico para COVID-19.

“Gostaria que o governador tivesse feito sua turnê antes da entrevista coletiva, na qual politizou os menores”, disse Clay-Flores, que é democrata.

O Departamento de Saúde e Serviços Humanos (HHS) disse em comunicado que não poderia comentar casos específicos, mas que “tem uma política de tolerância zero para todas as formas de abuso sexual, assédio sexual e comportamento sexual. Impróprio”.

O Departamento de Família e Serviços de Proteção do Texas recebeu as alegações. Seu porta-voz, Patrick Crimmins, disse não saber no momento se o estado recebeu novas acusações de abuso ou negligência em instalações temporárias para jovens imigrantes no Texas.


Aumenta em 100% o número de estrangeiros presos no Japão em 2020, brasileiros somam 508

Previous article

NY terá orçamento fiscal que beneficiará imigrantes indocumentados

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Destaques