BrasilDestaquesNotícias

Bolsonaro autoriza US Army atuar no Brasil, em cooperação com o Exército Brasileiro

0

O Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira (14) publica decreto presidencial que autoriza o ingresso e a permanência temporária de forças militares dos Estados Unidos no território nacional para participar de exercício conjunto com o Exército Brasileiro.

O contingente autorizado compreende 240 militares norte-americanos, além de armamentos, acessórios, munições, optrônicos, dispositivos ópticos e sensores e equipamentos de comando, controle e comunicação.

Intel: US to announce agreement to pull 'combat troops' from Iraq - Al-Monitor: The Pulse of the Middle East

As duas equipes vão participar da edição 2021 do chamado Combined Operations and Rotation Exercises (Core), um tipo de treinamento militar concebido durante conferência bilateral de Estado-Maior Brasil-EUA, realizada em outubro de 2020, “com o objetivo de incrementar a interoperabilidade entre os dois exércitos”. O decreto estabelece que as tropas norte-americanas poderão ficar no país no período de 28 de novembro a 18 de dezembro de 2021.

O treinamento será realizado na região do Vale do Paraíba, entre o município de Resende, no estado do Rio de Janeiro, e o município de Lorena, no estado de São Paulo. Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência informa que esse exercício irá ocorrer todos os anos até 2028. Neste ano, foi realizado o primeiro exercício, em Fort Polk, no estado de Luisiana, nos EUA, entre os meses de janeiro a março.

Militares do Exército brasileiro

“Ressalte-se que iniciativas como esta se inserem no contexto do Acordo Bilateral entre o Governo da República Federativa do Brasil e o Governo dos Estados Unidos da América sobre Cooperação em Matéria de Defesa, firmado em Washington, em 12 de abril de 2010, e promulgado pelo Decreto nº 8.609, de 18 de dezembro de 2015. O Ministério da Defesa, por intermédio do Comando do Exército, é a instituição responsável pela organização e execução do Exercício de adestramento Core 21”, cita a pasta. // Fonte: CNN Brasil.


Restrições fazem taxas de vacinação subirem e casos e mortes por Covid caírem nos EUA

Previous article

Senador afirma que 40 mil brasileiros ‘com roupa de grife e bolsas da Gucci’ atravessaram a fronteira dos EUA ilegalmente

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Brasil